segunda-feira, 22 de setembro de 2014

bem-vinda seja primavera




























Outro dia me queixava por não viver num lugar onde as estações fossem bem definidas e pensava como seria bom viver os invernos rigorosos, os outonos pintados de castanho-dourado, esperar ansiosa pela chegada do sol do verão e pela primavera iluminada para passear por campos floridos e com temperaturas amenas.

Me lembrava, também, de que quando era criança as estações eram mais bem separadas, cada uma na sua. Sim, no inverno me encapotava, eram 3 calças, 5 blusas para enfrentar o frio e ir para a escola de manhãzinha; no outono, caiam folhas amareladas e o vento geladinho, nas noites que chegavam mais cedo, fazia as ruas ficarem vazias e a gente tomava sopinha de pão assistindo Batman; no verão, era raspadinha com groselha o dia todo e dedo enrugado de tanta piscina; na primavera, pegar paina para colocar no travesseiro, empinar papagaio e se encantar com jacarandás floridos.

Hoje está tudo misturado e esta vida de gente grande muitas vezes não nos deixa aproveitar os encantos que restaram das estações. Mas sou persistente, estou sempre a procura da beleza que cada estação tem... Então, aí vão flores para festejar a primavera.

Que muita luz e alegrias venham com ela.

domingo, 21 de setembro de 2014

bye bye outono


Lá se vai o outono... 
e os desenhos que deixou no meu caminho.


segunda-feira, 15 de setembro de 2014

apenas o indispensável


Uma bolsinha feita de trapilho azul clarinho, um tom fresquinho para tentar amenizar estes dias  secos e abafados de fim de outono (que outono é este?.



Álcool gel, protetor, batom, cortador de unha-lixa, escova de cabelo, creme para mãos e curativos, apenas o indispensável para ter na nécessaire da minha bolsa.

E na sua nécessaire? O que é indispensável?



O botão veio na caixinha de costura herdada de minha tia Helena, um dia deste mostro outras coisinhas bacanas que também vieram na caixinha.



Fiquei feliz em terminar esta bolsinha pois estou me recuperando de uma epicondilite. A dor intensa no cotovelo e antebraço anda me tirando o sono mas poder ter concluído este trabalho pequenininho  me deixou animada, eis a razão de ser isto "o melhor do meu dia".

Beijos,




sexta-feira, 12 de setembro de 2014

bolo de limão


O cheirinho bom de bolo saído do forno, um café passado sem pressa... e a prosa com a amiga querida fica ainda mais prazerosa.


Ingredientes:

2 ovos (claras em neve)
3 colheres (bem cheia) (sopa) de margarina
1 xícara (chá) de açúcar
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 limão siciliano (as raspas e o suco)
1 xícara (chá) de leite
1 colher(sopa) de fermento em pó

Preparo:

Bater muito bem as gemas. a margarina e o açúcar.
Juntar a farinha e o leite aos poucos.
Acrescentar o suco e as raspas do limão.
Colocar o fermento e misturar.
Juntar as claras em neve.

Assar em forma untada e enfarinhada em forno médio baixo por 45 minutos.



Cobertura:

4 ou 5 colheres (bem cheias) (sopa) açúcar refinado
suco de um limão (usei taiti)

Mistura o açúcar com o suco do limão, mexer bem e espalhar sobre o bolo.









terça-feira, 2 de setembro de 2014

o barato da estação

Para trazer um pouquinho da primavera perto de mim, coloquei estas suculentas, pequenininhas e lindinhas, na mesa do escritório.

Vida verde e uma nova imagem...


Estas mudinhas custam R$ 1,00 real (cada) no Pão de Açúcar e, como cachepô, aproveitei os copinhos de porcelana para servir saquê que estavam esquecidos no armário da cozinha.


E você? Tem um jeito de trazer um pouquinho da primavera perto de você?